btBrasao

OK

Página Inicial > Notícias > Notícias > VOCÊ É UM BOM CIDADÃO?

VOCÊ É UM BOM CIDADÃO?

0
10/05/2018 Educação Fiscal

​       Desde 2003, em nível estadual, o Grupo de Educação Fiscal do Rio Grande do Sul (GEFE/RS) vem disseminando à população do estado conhecimentos de finanças públicas, da importância do pagamento dos tributos, da participação e do controle na aplicação dos recursos públicos. Esses são os três pilares básicos da Educação Fiscal.

Randal Guimarães, Auditor-Fiscal da Receita Estadual e Coordenador do GEFE/RS, explica que a divulgação do programa é feita em parceria com a Secretaria de Educação, principalmente por meio de seminários regionais. O público-alvo são os professores da rede estadual de ensino e os cidadãos, em geral. 

 Nos seminários são trabalhados os conceitos de cidadania e consciência social, de forma a promover uma mudança cultural no país, no médio prazo. O objetivo é transmitir conhecimento aos professores sobre os temas para que estes possam disseminá-los aos seus alunos. Os alunos, por sua vez, multiplicam o que aprendem aos seus familiares e amigos, formando uma rede de cidadãos mais conscientes do seu papel na sociedade.

         Desta forma, ações como: fazer ao outro o que gostaria que fizessem a você, respeitar o próximo, preservar o meio-ambiente, incentivar a coleta seletiva de lixo e conservar os bens públicos, entre outros, são fundamentais na formação de uma sociedade melhor. Em suma, “praticar o bem para que as pessoas retribuam com o bem, e que a gente tenha uma sociedade melhor, mais justa e irmã”, ressalta Randal sobre os objetivos-cidadãos do GEFE/RS.

         Neste contexto, é de extrema importância que os cidadãos influenciem, na medida do possível, a aplicação do dinheiro proveniente dos tributos, definindo prioridades de investimentos e políticas públicas, além de verificar se se está gastando adequada e conscientemente. 

        Já no tocante à programação do GEFE/RS para este ano, a ênfase continuará nos seminários no interior do estado. Atuando em parceria com as Coordenadorias Regionais de Educação (CREs), também trabalhará na divulgação do “Programa Nota Fiscal Gaúcha”, importante instrumento da Educação Fiscal no combate à sonegação e incremento da arrecadação.

       Para finalizar, sobre o conceito de ser cidadão, Randal enfatiza: “é ser sabedor dos seus direitos e deveres, é respeitar o próximo. Ser protagonista das suas ações, decidir e participar, definindo a aplicação dos recursos públicos que ele contribui. É fazer o bem e ter consciência social”. 


    Anna Dalbem

      ​Jornalista



Comentários

Não há nenhum comentário para esta postagem.

Adicionar Comentários

Título


Corpo *


Anexos

Seu Nome:
Seu Email:
Destinatários:
 
Mensagem: